16.2.18

A decisão

https://encrypted-tbn0.gstatic.com/images?q=tbn:ANd9GcTGhkEq0GmXb25qZpCJ1Vz7045J2kymyHLRYE9270bBIlEzkwwihttps://encrypted-tbn0.gstatic.com/images?q=tbn:ANd9GcTGhkEq0GmXb25qZpCJ1Vz7045J2kymyHLRYE9270bBIlEzkwwi
Depois de meses passando por pensamentos ruins, energias ruins, ideias ruins e coisas ruins na vida, finalmente posso fechar os olhos e suspirar aliviadamente.
Não faz muito tempo em que comecei a terapia com a psicóloga, para ser mais exata, foi lá pelo dia 20 e pouco de novembro, e agora, quase final de fevereiro de 2018, posso com segurança afirmar o quão bom e saudável é, buscar saúde mental. 
Parei com a faculdade e passei longos 6 meses (ou mais) perdida na minha vida, até mesmo depois de fazer terapia, ainda não havia encontrado algo seguro para me apoiar nos estudos, até que, design passou em minha cabeça e comecei a pesquisar, mas infelizmente (ou felizmente) não abriu turma para este curso na faculdade, então por obra do destino, caí em vídeos de publicidade e propaganda e achei muito legal e interessante a grade curricular.
Decisões são extremamente difíceis mas, são de fato necessárias, só assim conseguimos evoluir e criar uma vida, sabedoria e ser feliz, tentando ser feliz que se consegue ser feliz.
Tomem decisões em sua vida, algo lhe fará feliz mais cedo ou mais tarde. gratidão.

6.10.17

Ensinamentos

http://www.sharesanmarcos.com/wp-content/uploads/2016/09/October-Scholarships-2014.png
Mais um mês que chegou e com ele vem aquele sentimento de final de ano chegando, comemorações, novo ano e a expectativa de Avida nova e novos sonhos. Particularmente falando, eu sou extremamente apaixonada pelo mês de outubro, e porque? Não faço ideia, mas acho este mês, o nome e as comemorações que com ele vem, e esse sentimento de que o ano está acabando. 
Esses dias me peguei imaginando quanta coisa aconteceu comigo até este exato momento, coisas que nunca imaginei que pudessem acontecer, eu me reconciliei com algumas pendências do passado, me afastei de pessoas que nunca imaginei que fosse me afastar da qual me deixou bem triste, confesso falei com pessoas e andei com pessoas que nunca pensei que fosse ficar perto e me afastei delas também, parei de fazer coisas que fazia e tentei coisas que nunca tinha feito, descobri coisas interessantes e novas no YouTube da qual me ajuda em muitos momentos e filosofias da qual nunca pensei que poderia utilizar em minha vida, adquiri objetos que foram de extrema importância para mim e perdi alguns que nunca pensei que não poderia viver sim, esse ano está sendo um ano com tantas mudanças para minha pessoa, que eu resolvi batiza-lo de "o ano do ensinamento", pois venho realmente aprendendo diversas coisas sobre mim, sobre o mundo, sobre o outro ao meu redor, e este mês de outubro vai ser mais um mês do meu ano de ensinamento, da qual quero aproveitar muito e começar a realizar coisas que nunca pensei que poderia começa.
Aproveitem o dia de vocês e gratidão por tudo. 

18.9.17

Não entre em pânico

http://scontent.cdninstagram.com/t51.2885-15/s480x480/e35/15043795_1281567528572428_8741926187456004096_n.jpg?ig_cache_key=MTM5MDU1MDk3MzIzMTEyNTUwMQ%3D%3D.2
Namaste.
Preocupações em nossa mente é algo tão comum, que poderíamos ter em nossas escolas ou faculdades, uma matéria chamada "calma, não entre em pânico!" digo isso porque eu sou uma pessoa assim, sempre faço tempestades em copos d'água, mas não que eu queira atenção ou algo do tipo, eu simplesmente isolo minha mente de tudo que há neste mundo e foco tanto no problema que esqueço que sempre há uma saída mesmo quando eu não posso fazer nada, precisamos entender que nem tudo está ao nosso alcance, mas quando está podemos sim fazer algo. Existe um pensamento da qual me ajuda em muitos momentos de minha vida, é a respeito de nossos problemas, se vocês está com algum neste momento, pense comigo: esse problema tem solução? Sim? Então fique tranquilo, pois há uma solução. Seu problema não tem solução? Então fique tranquilo, não há nada que possas fazer, ao menos não agora, pode ser que mais tarde você consiga descobrir, mas até lá: mantenha a calma e não entre em pânico. Acredito que grande parte de nossos problemas é por causa da nossa pressa, querer tudo para ontem mas nem tudo é do jeito que queremos, devemos entender que tudo acontece quando e como tem que acontecer, muitas vezes as coisas ruins são necessárias para que possamos entender, aprender, crescer e evoluir, e se a gente não manter a calma, tudo que passamos nessa vida seria em vão. 
Tenha gratidão por tudo em sua vida, e saiba refletir sobre tudo, para se tornar alguém melhor a cada dia que se passa. 

 Caso tenha interesse, visita minha page no facebook Dramas de Jazz, ou o meu instagram com as minhas ilustrações @dramasdejazz ou meu twitter @jazzarrais <3

28.8.17

A gota de esperança

https://s-media-cache-ak0.pinimg.com/736x/24/cc/ec/24ccecaef587eb071b604d5115731645--clock-wallpaper-hope-floats.jpg
Lúcia sentia todas as vezes em seu dia a dia uma sensação estranha quando ficava nervosa, ou quando simplesmente pensava demais. Certa vez, ao imaginar uma cena da qual nunca acontecera, sua garganta fechou, seus pulmões não mais trabalhavam e o ar que tentava puxar era em vão, logo em seguida sentiu a morte ao seu lado. Mas não morreu.
Ataques de pânico era o que Lúcia sentia, além de vários outros sentimentos e sensações, alguns agradáveis, outros nem tanto. E assim seguia sua vida, em alguns momento achando que ia morrer, em outros querendo, e algumas vezes do seu dia, pouquíssimas vezes, mas o suficiente para lhe manter de pé, ela sonhava e planejava coisas incríveis para fazer de sua vida, quando pudesse finalmente ter uma. Era essa gotinha de esperança em um oceano de sensação de morte, que a fazia ainda sobreviver.
Lúcia sabia que um dia tudo isso ia finalmente acabar, essa prisão da qual ainda vivia e se sentia, sua mente, por mais que tentasse sabota-la fazendo-a pensar que nada mudaria tentando leva-la ao fundo do povo escuro, aquela gotinha de esperança começava a brilhar, era um brilho simples, singelo e fraco, bastante delicado e praticamente imperceptível, menos para Lúcia, ela conseguia perceber aquele brilho, que para muitas pessoas poderia ser pouca coisa, ou simplesmente nada, mas para ela, para ela, para Lúcia, era tudo!
Related Posts Plugin for WordPress, Blogger...